03 abril 2012

ESTRATÉGIA e RESPEITO pela HISTÓRIA de PORTUGAL

ESTRATÉGIA e RESPEITO pela HISTÓRIA de PORTUGAL Num período conturbado da nossa história, em que se confunde o fundamental com o acessório, em que não há uma estratégia definida para o País, em que os cidadãos estão desorientados, por sinais contraditórios provenientes daqueles que os deviam orientar, é bom relembrar algumas coisas: (1) Em primeiro lugar que as sociedades avançam quando têm lider...es esclarecidos, que traçam caminhos claros, enq...uadrados por uma escala de valores bem definidos e simples de perceber; quando esses lideres têm projectos a oferecer às populações, ambiciosos mas remuneradores a prazo para a sociedade que representam, a sociedade evolui e adquire auto estima. (2) Em segundo lugar, um País que não respeita o seu passado não tem presente nem futuro pois perdeu a memória do seu enquadramento de referência no concerto das Nações Independentes e isso escurece o seu caminho de futuro. Precisamos de Líderes; Precisamos de Projectos mobilizadores; Precisamos de Estadistas e não só de políticos. Precisamos de uma Estratégia clara para Portugal. E o problema, tal como eu o vejo, é que (a) não temos nenhum estadista à vista, (b) nem uma estratégia definida para Portugal. Cumprimentos
Enviar um comentário