18 janeiro 2007

O Ser Humano NORMAL sabe quando procede Mal

Meus Caros Amigos e Amigas

Quando procedemos mal, sabemo-lo. Porquê?

Porque somos PESSOAS a quem foi dado o "Livre Arbitrio".

Isto é, a quem foi dada a capacidade de proceder BEM ou MAL. E proceder bem ou mal com referência a quê?
Em relação às pessoas. Em relação aos bens. Em relação a tudo o que nos rodeia.

Mas que referencial temos para o saber, se agimos bem ou mal?

Se mais nenhum houvesse temos sempre os
10 MANDAMENTOS aos quais TODOS os ORDENAMENOS JURÍDICOS OCIDENTAIS,
e não só, foram buscar a sua inspiração e regras-base.

Sem as quais a vida em sociedade não era possível.
Isto independentemente de os Estados se afirmarem laicos ou confecionais.

O Ser Humano NORMAL sabe quando procede mal.
E sabemos que merecemos castigo.

No caso do ABORTO, meus caros amigos e amigas, estamos a falar de HOMICIDIO.
Nem menos nem mais! Por muito que custe a alguns ler isto!
Independentemente das "artimanhas" que alguns Jurístas arranjem para minorar este FACTO.

E o HOMICIDIO dá prisão em qualquer país CIVILIZADO. Ponto final!

E já agora.... todos os Homocidios são deploráveis!

Mas o ABORTO além de DEPLORÁVEL
é simplesmente o HOMICIDIO MAIS VIL e COBARDE de todos,
pois é praticado contra um SER COMPLETA e TOTALMENTE INDEFESO
.

Já gora pensem nisto!!!

Um abraço
MIguel Mattos Chaves
Enviar um comentário