15 outubro 2015

Esclarecimento aos meus amigos e leitores

DECLARAÇÃO (por respeito aos meus amigos e leitores)
...
Tendo sido interpelado por várias pessoas em mensagens privadas, ou públicas, sobre o tema das eleições, venho responder-lhes públicamente pois nada tenho a esconder.
...
Caros Amigos,...
...
Dizem-me alguns que a actual situação se deve a quem muitos portugueses da direita, leia-se CDS-PP, votaram contra as suas convicções noutros partidos, ou em branco, ou se abstiveram.
....
Na minha análise e prática isso é verdade. Mas Não Toda a Verdade!
...
Por isso:
...
Clarificando, tendo o CDS-PP abandonado os seus Valores, Ideais e Programas nestes últimos 4 anos;
...
não fui eu que mudei de Convicções:
...
Foi a actual direcção do CDS-PP que pôs de lado os Valores, os Ideiais e os Programas de Governo que nos uniam.
...
Assim sendo, creio que muitos milhares de Companheiros também o sentiram, e decidiram, e bem, mudar o seu sentido de voto até que o CDS-PP recupere a sua matriz Democrata-Cristã e Conservadora.
...
Ter Convicções comporta, no seu sentido e significado, PENSAR.
...
Foi o que fiz e milhares de outros Companheiros fizeram; Todos os que não vêm a Política como meio de emprego, mas sim como meio de SERVIR e engrandecer Portugal.
...
Não sou Liberal;
...
Sou de Direita e Conservador.
...
Nada tenho a ver com a prática do actual CDS-PP e do seu "compagnon de route" para uns lugarzitos, PSD.
...
Já o disse várias vezes e repito:
- Para mim Portugal está acima dos Partidos. E estes só existem se for para SERVIR Portugal. Caso contrário não servem para nada.
...
Quanto, e SE, o CDS-PP voltar a defender um Modelo de Sociedade do Humanismo Personalista, muito baseado na Doutrina Social da Igreja (Justiça Social, Protecção dos mais desfavorecidos, etc...) em que se defende que o Estado tem que ser Pessoa de Bem e cumprir os seus Contratos;
...
Quando e SE, o CDS-PP, voltar a defender a Universalidade de Portugal, colocando-o no seu meio natural (desde D. João II) no Centro da Bacia do Atlântico e nas relações com o Mundo Lusófono que deve ter, nomeadamente através do fortalecimento da CPLP e do seu papel nas Relações Internacionais;
...
Quando e SE o CDS-PP, recuperar o seu Programa de que Portugal deve estar na União Europeia MAS recusar o Modelo Federal na mesma, mantendo a sua Liberdade e Soberania de quase 900 anos;
...
Considerarei a possibilidade de voltar a Votar no meu Partido.
Não antes.
...
Ou seja, e repetindo-me:
Não fui eu que mudei de Valores, Ideais e Programa de Governo para Portugal: foi a actual direcção do partido.
...
No que só a mim diz respeito assumo claramente que Votei segundo as minhas convicções políticas do momento eleitoral actual, ou seja Branco.
...
Com os meus melhores cumprimentos
Miguel Mattos Chaves
Militante do CDS-PP
Enviar um comentário