30 abril 2015

Carta aos Militantes, Simpatizantes e Votantes do CDS-PP


Caros Militantes, Simpatizantes e Votantes do CDS-PP


Quem me conhece sabe que desde pelo menos desde 1992 (quando não havia lugares para distribuir) defendo que o CDS-PP se deve afirmar pelos SEUS próprios Valores e Programas junto do eleitorado de Portugal, a quem pretendemos SERVIR.


Colaborei, desde então, em várias Direcções (Dr. Manuel Monteiro -1992-1998; Dr. Ribeiro e Castro - 2005-2008 e Dr. Paulo Portas - 2008-2011).


SEMPRE souberam estes Presidentes que as minhas posições de SERVIR Portugal, em 1º lugar, e o CDS-PP, como seu instrumento de engrandecimento, tinham por base duas premissas (para além da defesa dos Valores e Programas do CDS-PP):


1º) Não haver Coligações Pré-eleitorais, abrindo no entanto a hipótese, se necessário, a Acordos de Incidência Parlamentar ou, em último caso, Coligações Governamentais (pós-eleitorais) em que os NOSSOS Valores e Princípios não Fossem postos em causa;

2º) Que não adoptássemos a defesa ou aceitação do Modelo Federal na Europa, mas sim a defesa do Modelo de Cooperação Intergovernamental, que respeita a Soberania Plena dos Estados-membros.


NUNCA andei na política para ter lugares remunerados.
SEMPRE, ao contrário, gastei muito dinheiro a ajudar o CDS-PP a "levar a carta a Garcia".


De forma que não estou disponível para aceitar "lições" sobre como defender Portugal e o CDS-PP, como seu instrumento.


Por NENHUMA destas condições estarem preenchidas, nas próximas Eleições, dado não me sentir representado, Votarei em Branco.


Aguardarei que a situação interna do CDS-PP se modifique por vontade dos seus Militantes e se volte aos Valores, Princípios e Programas que fizeram deste Partido uma força política respeitável e respeitada.


Não penso, portanto, em abandonar o CDS-PP.


Veremos quem estará por cá (pelo CDS-PP) quando não houver lugares para distribuir.


Espero ter sido claro, meus caros Companheiros.


Cumprimentos cordiais
Miguel Mattos Chaves
Militante do CDS-PP e ex-dirigente nacional
www.google.com
Enviar um comentário